CMS-2-AARON-SWARTZ

Não é para brincadeiras! É Sério!

24/11/2015

Há coisas que são assim, simplesmente sérias.
No entanto, não são implicitamente solenes, escuras ou soturnas… são como são.
A premissa desta série de Tertúlias e Apresentações aqui na DAR é mesmo esta. Tratar de assuntos sérios, desmistificar e tirar da escuridão estas coisas.
Vamos falar de modo prático de coisas que implicam imenso com o dia a dia dos profissionais de áreas criativas, artísticas e limítrofes…
Um dos assuntos que consideramos especialmente sério visa a nossa relação com a tecnologia e a forma como esta molda o nosso dia-a-dia e relações humanas.
De modo a concretizar, foquemo-nos na concepção que temos de internet e na relação desta com a nossa liberdade e com a forma como acedemos, dentro deste quadro de liberdade pessoal, ao conhecimento que teoricamente se torna mais próximo com esta forma de comunicação.
Para o nos ajudar a discutir este assunto, fazemo-nos valer do acesso ao Pedro Xavier Mendonça – docente e investigador, que aceitou desde logo o convite para conduzir esta reflexão conjunta. O mote será o filme “Internet’s Own Boy” que relata a curta história de vida de Aaron Swartz, um activista de uma concepção mais progressista e livre de acesso ao conhecimento, cujas ideias ficaremos a conhecer muito mais profundamente.

Tags: , ,